quarta-feira, fevereiro 06, 2008

Tráfico de menores ou não?

A Procuradoria Geral da República, convidou, ontem, a comunicação social para informar que o caso das crianças transportadas num camião interceptado em Inchope não consubstancia tráfico de menores. O relatório da investigação efectuada, foi apresentado pelo Procurador -Geral Adjunto, o Sr. André Cumbe. Na verdade, atendendo as declarações de Cumbe, dá para afirmar, ainda que timidamente, que o relatório não me parece fruto de uma séria actividade investigativa. Não pretendo entrar em detalhes porque apenas ouvi uma pequena parte das declarações do Procurador-Geral Adjunto, que me pareceu bastante superficial. Penso que tal relatório devia ser colocado a disposição do público, da Assembleia da República, das Universidades, etc, para poder ser discutido. Penso que temos o direito de analisar a plausibilidade do trabalho feito pelo Ministério Público
Perguntas rápidas ao PGR:
1. Por que razão as crianças foram transportadas num camião e em condições deploráveis?
2. Podem nos indicar as escolas do islão para onde tais crianças se dirigiam!
3. Quem são os responsáveis por tais escolas?
4. Há quanto tempo se dedicam a este tipo de actividade?
5. Onde e como é que dormiam as crianças transportadas?
6. O que é que comiam?
7. Havia assistência médica?
8. As crianças tinham documentos de identificação?
9. Os pais de todas elas tinham conhecimento da sua deslocação ( naquelas condições) a Maputo e para uma escola de islão?